.0059

Hoje eu ensaiei mais uma vez nossa despedida. Escolhi as melhores palavras e os melhores argumentos, na verdade, talvez foram os piores, mais baixos e sujos escolhidos cuidadosamente pra doer.
Dor que senti em cada ausência, em cada silêncio, em cada desencontro que foram quase todos e me custaram a tal compreenção que ainda não fez sentido pq era só tua e ali eu me perdi e me apaguei.
Hoje me dei conta que já estava sozinha antes desse ensaio e que todo esse sentimento era uma projeção de uma história que deixou de ser. Evaporou! Mas isso já estava posto à mesa, eu que não vi, não queria! Agora eu sei.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s